AMIGOS DA CURA

TROCA DE INFORMAÇÕES A FAVOR DA VIDA

Estudo aponta como tratar pacientes com infecção generalizada

Proteína evita que o ferro contido no sangue sirva de alimento para bactérias que provocam a sepse

A sepse, ou septicemia, é responsável pela ocupação de 25% dos leitos em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) no Brasil. Também é a principal causa de morte nestas unidades - mata 220 mil pessoas por ano no país.

Cientistas brasileiros participaram de um estudo internacional que descobriu uma nova forma de monitorar pacientes com sepse ou septicemia - conjunto de manifestações graves em todo o organismo produzidas por uma infecção. Os resultados da pesquisa, publicados


http://veja.abril.com.br/noticia/saude/estudo-aponta-como-tratar-pa...

Exibições: 1768

Os comentários estão fechados para esta mensagem de blog

Visitantes online

Colaborador

.

.

Vídeos

  • Adicionar vídeo
  • Exibir todos

Últimas atividades

Francisco Inácio de Melo atualizaram seus perfis
8 horas atrás
Maurecir Mafra comentou a postagem no blog INÍCIO de Maurecir Mafra
8 horas atrás
josias pinheiro de freitas postou um vídeo

CURA DA DIABETES SEM REMÉDIOS.

LIVRE-SE DA CONDENAÇÃO PELO RESTO DE SUA VIDA. TIRE ESSA TERRÍVEL DOENÇA DE SUA VIDA. COM A NATUREZA E SEM GASTAR QUASE NADA.
11 horas atrás
Ícone do perfilLUIZ HENRIQUE MIORIN, francisco correa junior, Estela Maris da Cunha e mais 11 pessoas entraram em AMIGOS DA CURA
11 horas atrás
sandracruz compartilhou um perfil em Facebook
13 horas atrás
sandracruz entrou no grupo de Naiana Bregolato
13 horas atrás
sandracruz entrou no grupo de Maurecir Mafra
13 horas atrás
sandracruz entrou no grupo de Maurecir Mafra
13 horas atrás
sandracruz entrou no grupo de Maurecir Mafra
13 horas atrás
ROBERTO LUIZ PRETTI DE OLIVEIRA atualizaram seus perfis
15 horas atrás
Mª Fatima Leopoldino dos Santos comentou o grupo Artrite Reumatoide e Artrose de Gabriela dos Santos
17 horas atrás
Mª Fatima Leopoldino dos Santos entrou no grupo de Gabriela dos Santos
17 horas atrás

© 2016   Criado por Maurecir Mafra.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço